Notí­cias - Detalhes

Que tal umas dicas de como melhorar seu currículo para o mercado de trabalho e fazer a

diferença? Você pode... Acredite!

Então, vamos começar?

Primeiramente vamos entender o que é o currículo. O currículo é um documento que agrupa 

informações pessoais de um profissional junto à sua formação acadêmica e sua trajetória no 

mercado de trabalho, visando demonstrar suas qualificações, competências e habilidades. De 

uma forma mais direta, o currículo descreve quem você é e quais qualidades e experiências 

profissionais você possui.

O currículo é sua porta de entrada na empresa, com um currículo bem formatado você desperta 

atenção do selecionador e gera interesse do mesmo para conhecê-lo e saber se você está apto ao 

cargo desejado.

Por isso, ATENÇÃO ao fazer seu currículo. Leve em consideração que essa pode ser a chance do 

início de uma carreira de SUCESSO.

Assim, ao fazer o currículo LEMBRE-SE: sua função principal é, antes de tudo, chamar a atenção 

do entrevistador, por isso siga algumas "regrinhas":

- Limpeza: Um currículo bem apresentado faz toda diferença. Nunca entregue um 

currículo amassado; sujo; dobrado ao meio; com listras de impressão na folha.

- Foto: A foto não é mais obrigatória, porém tenha sempre uma em mãos para o caso de a 

empresa pedir. Não coloque xerox, coloque fotos 3x4 colorida. Fotos recortadas de 

momentos pessoais não são bem vindas no currículo, prefira aquela que você esteja com 

roupa de manga, sem decotes, sem brilhos e nomes de marcas ou bandas. 

- Letra: Use um só tipo de letra, preferivelmente use o padrão (Arial), com tamanhos 

adequados (12 ou 14).

- Objetivo: Seja objetivo, não escreva uma carta, faça apenas um breve resumo da área 

em que deseja atuar. Exemplo: Desejo atuar na área administrativa ou afins. 

Outras informações importantes:

1. Não se utiliza mais o nome CURRÍCULO VITAL ou CURRICULUM VITAE, coloque apenas seu 

nome como título.

2. Ser objetivo e claro é a melhor forma de demonstrar organização.

3. Não utilize abreviaturas. Exemplo: Att.; Ass.;Apt.

4. Não coloque dados de documentação individual. Exemplo: CPF; RG.

5. Carta de referência só é necessário quando é solicitado pelo entrevistador ou em cargos 

elevados em que são necessárias informações da carreira profissional.

6. Não coloque pretensão salarial. Se essa informação não foi solicitada, isso pode descartar 

seu currículo antes mesmo do entrevistador te conhecer e saber quanto você vale para o 

mercado de trabalho.

7. O currículo de uma página é o ideal. Se não der para diminuir, deixe pelo menos até duas. 

Muitas informações desnecessárias para aquela vaga em questão podem ser retiradas 

nesse momento.

8. IMPORTANTE: Assinatura não é mais utilizada.

9. Coloque e-mail nos Dados Pessoais. Mas CUIDADO com o e-mail utilizado, é preferível que 

se tenha um e-mail só para informações profissionais. Não utilize e-mail com nomes 

carinhosos, apelidos e que façam alguma apologia à raça, etnia, time, religião e 

preferências sexuais.

10. Deixe sempre seus dados pessoais atualizados (endereço, telefone).

11. Nas experiências profissionais coloque: cargo exercido; empresa em que trabalhou; 

período que esteve no emprego e principais atividades exercidas.

12. Cuidado com a gramática: erros de gramática e ortografia bem como coerência verbal 

podem ser eliminatórios.

13. LEMBRE-SE: Referências pessoais não são mais utilizadas no currículo.

Bom, é hora de praticar e reavaliar seu currículo, não acha?
 
Mayse Vieira – Colaboradora TOP Company RH